Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Delicate Notes

As memórias são para ser partilhadas

Escolhas

Large

Às vezes arrependo-me de ter escolhido piano. Adoro tocar piano e não ponho em causa os últimos 5 anos a tocar. No entanto, eu gostava imenso de ter aquela vida ainda mais agitada como alguns dos meus colegas têm. Intercâmbios com o conservatório nacional, encontros de bandas, enfim...Adorava tocar na orquestra de sopros e/ou na banda ou fazer parte de um ensemble. No 3º grau do conservatório (7º na escola), toquei numa orquestra em Área de Projeto e adorei a experiência...São estas coisas que me fazem arrepender um bocado da escolha de piano. 

Quando fui experimentar os instrumentos, onde tive melhor pontuação foi clarinete e saxofone, mas escolhi piano, onde tinha tido a pior nota. Por um lado, acho que fiz bem em continuar naquilo que eu realmente queria e não me deixar influenciar por 2 minutos que toquei no piano ou por ter dedos demasiado pequenos. Segui aquilo que tinha desde sempre pensado...Mas adorava tocar um 2º instrumento e, visto já ter as bases do piano, quem sabe não pense na ideia de aprender outro instrumento. 

Outra coisa que adorava era ter aulas de canto. Não sei se continue no coro ou não para o ano, depende. 

Beatriz, 17. Ciências e Tecnologias


Seguir

Follow

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D