Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Delicate Notes

As memórias são para ser partilhadas

Das relações familiares

(100+) Tumblr

De dia para dia me pergunto mais se é possível não gostar de um pai. E acho que cada vez me aproximo mais da resposta "sim". Não me faz feliz em nada, só me envergonha...Não gosto nada de dizer estas coisas, porque agradeço tudo o que ele me dá. Mas é só isso. Espaço, compreensão, isso não tenho. Ainda vivo na ditadura do 25 de Abril. Não pensava sair de casa aos 18 quando fosse estudar para a faculdade, mas é a melhor opção, sem sombra de dúvida. Quanto mais longe, melhor.

E depois que não se ofenda que não lhe contemos as coisas ou tenhamos de lhe passar a vida a mentir (eu e a minha irmã), porque com o que ele faz, não nos dá confiança para nada e depois a única coisa que ele compra com isso são mentiras. Porque a única forma de viver algo de jeito cá em casa é assim, com mentiras.

6 comentários

Comentar post

Beatriz, 17. Ciências e Tecnologias


Seguir

Follow

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D