Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Delicate Notes

As memórias são para ser partilhadas

Frozen - O bailado

Estão a olhar para mim! Sim, porque vou ser o Sven. Ou melhor, não sei se vou fazer o espetáculo. A minha personagem é a Anna, a minha professora vira-se para mim "Tens mesmo cara de Anna, tu serias a Anna, mas não pode ser." E não pode ser porquê?, perguntam vocês. Porque há dois anos atrás fui personagem principal no bailado da Alice. Se soubesse o que sei hoje, nunca teria aceite esse papel. Primeiro porque não gosto da história da Alice no País das Maravilhas e segundo porque basicamente o que eu fiz foi andar a correr atrás de pequenas. Sim, entrei em praticamente todo o espetáculo, mas nunca foi para mostrar o que realmente danço e as minhas capacidades. Ao contrário de colegas minhas que tiveram solos em que puderam mostrar isso (tendo personagens menos importantes) e que agora são as personagens principais do Frozen e terão direito a Pas de deux e a solos como eu não tive quando fui personagem principal. E claro que compreendo que não possa voltar a ser personagem principal, mas a prof. está a ligar ao nome e não propriamente ao trabalho que eu desenvolvi a fazê-lo, que foi, como já referi correr atrás das pequenas. 
O Frozen é um filme que eu adoro e sinto-me muito frustada por só por ter feito de Alice ser penalizada agora. Ainda por cima acho que trabalhei para isso e há 3 anos consecutivos que sou a melhor nota em exame. 
E depois não consigo suportar a falta de humildade de algumas pessoas e que quando foi a minha irmã a personagem principal, fez-lhe a vida negra, quando fui eu, a inveja era notável e agora que o é, não se pode aturar. E é simplesmente porque ela e a mãe dela compram a prof. com mentiras e nas costas só dizem mal. E só a prof. é que não vê a realidade, porque nós bailarinas é que sofremos com aquilo. Se ela quer ficar à frente fica, ela consegue tudo o que quer...Mesmo em outros bailados, se queria ficar no centro ficava, se queria ficar à frente, ficava. Sempre assim!
Para além disto e tendo em conta os custos do exame, a minha mãe não está disposta a investir dinheiro no espetáculo e por isso, também não sei até que ponto vale a pena investir em algo pela qual eu nem me vou divertir a fazer, porque ontem tive os primeiros ensaios e foi horrível. Mas não quero desistir, porque sei que vão dizer que apenas estou a desistir por não ser personagem principal, mas não é. É mesmo porque a minha mãe não pode financiar isto após um ano de imensos gastos para o exame. É que é preciso pagar a pianista, a deslocação da examinadora, sapatilhas, maillot, um lenço que utilizamos que é apenas um pedaço de tecido mas custa balúrdios, collants, saia character, sapatos, saia de chiffon...É um investimento muito grande. E agora ter de investir num fato que nem sei se me fará feliz, não sei até que ponto vale a pena. 

3 comentários

Comentar post

Beatriz, 17. Ciências e Tecnologias


Seguir

Follow

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D