Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Delicate Notes

As memórias são para ser partilhadas

O Natal de hoje

<3

Apesar de cada vez mais o Natal ser uma época de consumismo, penso que face à situação financeira que atravessamos, as crianças que vivem neste momento os melhores anos dos seus Natais, desde pequenos foram habituados à moderação no que diz respeito às prendas. A verdade é que, há diferenças que se acentuam há medida que o tempo avança. Um exemplo disso sou eu e a minha irmã. Quando ela era pequena, os Natais não eram tão recheados como foram depois para mim. Afinal os meus pais ainda estavam nos primeiros anos de vida conjunta e à procura de estabilidade financeira. 

Durante toda a minha infância, tive os melhores natais de sempre. Não apenas pelas prendas com as quais me deliciava, mas principalmente pela união da família e por a minha irmã me ter feito acreditar no Pai Natal até aos 12 anos e é das coisas que mais lhe estou agradecida. Graças a isso, essa magia prolongou-se mais do que é normal, visto que eu devia ser a única criança da minha idade a acreditar. Mas enquanto acreditei foram realmente os melhores natais de sempre (aliás, eu já contei essa história aqui no blog)! 

Sempre adorei o Natal e continuo a adorar, mas claro que as coisas já não são como antes. Há medida que crescemos as coisas tornam-se diferentes. Não que a magia se perca, porque essa continua cá sempre e é ela que alimenta os meus Natais, mas há medida que cresço vou vendo o Natal com outros olhos e acaba por me fazer ser mais moderada e aprender que nem sempre dá para termos tudo aquilo que queremos e que especialmente como o país está, há coisas bem mais importantes do que arrasarmos a conta bancária pelo Natal. 

Moda | Victoria's Secret Fashion Show

Confesso que só de há um ano para cá é que me comecei a interessar pelo desfile e por tudo o que este envolvia. Este ano, o Victoria's Secret Fashion Show ocorreu em Londres no passado dia 2 de Dezembro, mas apenas no dia 9 de Dezembro foi transmitido para os comuns mortais. O desfile dividiu-se em seis segmentos: Gilded Angels, Exotic Traveler, Dream Girls, University of PINK, Fairy Tale e Angel Ball, os quais serviram de inspiração para as criações. 

Como sempre, a VS prima pela originialidade e criatividade nos materiais utilizados, sendo um dos pontos fulcrais no desfile as asas utilizadas pelas Angels. Contudo, e apesar de um desfile da VS ser sempre um desfile da VS, penso que este ano, não foi tão bombástico e não me deixou realmente convencida. Para mim, as modelos não têm só de saber desfilar bem e serem magras e altas. Isso é apenas uma parte do seu trabalho. Personalidade é para mim o mais essencial e muitas delas não o transparecem através de lançarem beijinhos e corações. Porque é muito mais que isto. Quanto às criações, havia de tudo. Uns segmentos aprovados, em que a maioria eram conjuntos bonitos e segmentos pavorosos quanto à mistura de padrões e era franjas, era pêlo, era purpurinas, era pompons. 

Um dos factores que mais me agrada no desfile são as performances de vários artistas que, a meu ver, o enriquecem.Nesta edição contou com a presença adequada de Taylor Swift, Ed Sheeran, Hozier e Ariana Grande, sendo que Taylor Swift actuou duas vezes pelo segundo ano consecutivo e que é sempre um bom investimento, na minha opinião.

alessandra ambrosio, adriana lima e ed sheeran vsfs

Quanto às modelos que utilizaram os Fantasy Bras, não gosto nem de uma nem de outra. A Adriana Lima é bonita, mas quanto à personalidade não me agrada, pelas entrevistas que transmitiram para intervalar o desfile e a Alessandra Ambrosio nem bonita nem personalidade. Mas são opiniões!

Taylor Swift Style victori's secret fashion show (1)

Blogger - Christmas Wish Solidariedade

Sempre que tenho roupas em casa que já não me servem ou já não uso, ou até mesmo se já não gosto delas, costumo sempre fazer uma selecção e doar essa roupa a quem precisa. Sempre que pedem alimentos nos supermercados, normalmente a minha mãe dá sempre qualquer coisa e eu própria já participei no Banco Alimentar na campanha que houve na altura da Páscoa este ano e foi uma experiência da qual gostei muito e com certeza irei repetir (e que aliás, partilhei aqui)! E um dos meus desejos pendentes na To-Do-List é fazer voluntariado, mas quero esperar até ser um pouco mais velha. Como tal, hoje trago-vos uma iniciativa da Indigo que merece atenção por parte da blogosfera e pela qual a queria parabenizar. Para isso, basta lerem o pequeno texto em baixo e começar hoje a pensar em pequenos gestos, em ajudar o próximo, não só nesta altura festiva que se aproxima, mas todo o ano. 

Moda | Editorial Vogue Paris 2015

Não, não são barbies. São modelos que foram fotografadas para o editorial "Panóplia" da edição de Janeiro 2015 da Vogue Paris. O conceito parece-me bastante engraçado e até desafiante do ponto de vista profissional, visto que as modelos têm de desempenhar o papel da tão conhecida boneca Barbie, dentro das suas caixas, mas contudo, vestidas pelas mais conceituadas marcas do mundo da moda. E o resultado final foi este! Difícil mesmo é escolher qual o favorito.

vogue6.jpg

vogue1.jpg

vogue3.jpg

vogue4.jpg

vogue5.jpg

vogue7.jpg

vogue8.jpg

vogue9.jpg

vogue10.jpg

vogue11.jpg

Já é Dezembro (outra vez)

Eu sei, eu sei que já passou uma semana desde que Dezembro chegou. Mas não podia deixar de escrever aqui sobre isso. Outubro e Novembro passaram a correr. Contudo, é com um grande suspiro que vejo Novembro acabado. Dizem que este é o maior período letivo e se este passou com esta rapidez, nem quero imaginar os próximos. Claro que isto era tudo muito bom se eu em Junho ficasse logo de férias, mas não! Tenho exames. 

Novembro foi intenso e especialmente cansativo. O meu último teste foi de Física, pelo que apesar de já estar mais aliviada nessa semana, o teste exige uma preparação de 39485 exercícios e ainda ter de rever matéria do ano anterior, pelo que se pode dizer que terminei em beleza. Pelo meio disto tudo, basicamente eu ia à cama descansar as pestanas e quando dava por mim já era hora de começar o dia outra vez. Dia esse que nada de novo me traria. Cada vez mais sou apologista da ideia de que o dia devia ter mais de 24h. É que simplesmente não dá para fazer tudo o que preciso.

Agora que o stress da escola já diminuiu, vou tentar organizar-me quanto às séries que tenho para ver e para isso descobri uma aplicação muito útil que se chama TV Show Time e onde podem selecionar as vossas séries favoritas, marcar os episódios que vos faltam ver ou até saber quando é que os diferentes episódios serão transmitidos (nos EUA, claro) ou até quanto tempo da vossa vida passaram a ver séries. A juntar às séries, não esquecer os sessenta e tal filmes que tenho agendados.

Quanto a Dezembro, é sempre o mês de fazer o balanço do ano que passou, de fazer uma retrospetiva e é como que organizar o novo começo. E eu gosto disso. Gosto muito deste mês! 

Pág. 2/2

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D