Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Delicate Notes

As memórias são para ser partilhadas

#JeSuisCharlie

Link permanente da imagem incorporada

Ver humor ter como resposta violência e morte - é, tristemente, o fim do mundo.

                                                                                                                          Nuno Markl

Foi ontem pelas 11h30 em Lisboa que um tiroteio na revista satírica "Charlie Hebdo" que ficou mundialmente conhecida por publicar caricaturas de Maomé, em 2012, fez 12 mortos, 9 feridos, quatro deles em absoluto risco de vida. Confesso que não conhecia o jornal em questão, nem o conteúdo que nele era publicado e também não tinha assistido às notícias. Contudo, quando comecei a ver as redes sociais a manifestarem-se através da hashtag #JeSuisCharlie, decidi informar-me do que se tratava. O que aconteceu ontem não é apenas um ataque a um jornal francês. O que aconteceu ontem é um ataque à liberdade de expressão e àquilo em que acreditamos e que, por isso, nos diz respeito a todos. É bom ver que nestas situações, estamos todos unidos e lutamos por um direito que não devemos tomar por garantido. E o argumento utilizado para justificar estes atentados: a religião. É muito importante o respeito pelos outros, afinal a nossa liberdade acaba onde começa a do outro. E compreendo que tal como para os cristãos é uma ofensa brincarem com a imagem do Papa ou de Cristo, o mesmo acontece com os muçulmanos. E quando passam dos limites e as brincadeiras se tornam duvidosas e pouco respeitosas também não gostem. Mas nada disto justifica estes atentados. Nada. Mas eles marcam a diferença, fazem com que nunca nos esqueçamos destes atos de terrorismo e para isso, eles MATAM. Agora a solução para impingir aos outros as nossas crenças e convicções é matar? Ah, se não têm os mesmos ideais que eu vou matá-los. É inteligente, realmente.

De louvar é a simplesmente fantástica capa de hoje do jornal belga De Tijd, que desta forma se manifesta.

Black is such a happy colour

Há uns anos atrás não era grande fã de preto e não entendia o mistério do mesmo. Mas agora começo a entender. À medida que vou ficando mais velhinha, principalmente nos últimos meses, o meu gosto por preto tem vindo a aumentar. Calma aí, não pensem que me vou tornar gótica em 2015! Simplesmente gosto de apostar no preto como um básico e sinto-me tão confortável a usá-lo. Não arrisco é em looks total black, porque além de não me gostar de ver, penso que é muito pesado para a minha idade. Isso e unhas pretas, que também não gosto de ver em mim. 

É como dizem, preto é sempre elegante ou em caso de dúvida, escolha preto.

- image #2260676 by saaabrina on Favim.com

Kenzas

.

Hands Full Of Colorful Pencils | via Tumblr

I don't do fashion, i am fashion. -Coco Chanel

Mano!

Classy Blog - Fashion, Celebrities and Cosmetics

Fiquei mal habituada

Prettylittlethings | via Tumblr - image

Depois de mais de uma semana que incluiram uns dias antes do Natal e até ao último dia de 2014 tive a minha irmã sempre comigo. E o melhor é que foi cá em casa. Digo-vos que me soube muito bem e que se não a tivesse cá, as minhas férias teriam sido deprimentes. Já sentia falta disto!

A verdade é que o maior choque foi quando ela foi viver para Lisboa o ano passado e eu estava habituada a passar todos os dias com ela. Com o passar do tempo e como tudo na vida, vamo-nos adaptando à mudança. E talvez ela estar longe até seja melhor para eu estudar, porque se estivéssemos sempre juntas como antes, muitas eram as vezes que o estudo dava lugar à brincadeira. Mas de vez em quando, também sinto falta e esta mais de uma semana cá em casa, foi muito bom e o pior foi mesmo ficar sem ela outra vez no dia de ano novo. Mas pelo menos deu para matar as saudades!

Aquilo que aqui escrevo, nunca lhe disse. Um dos traços da minha personalidade é ser muito difícil para mim mostrar sentimentos e expressá-los. Por isso, escrevo. 

Cor do Ano 2015 - Marsala

ht_pantone_color_year_marsala_jc_141203_16x9_992

marsala-pantone-cor-2015

Captura de ecrã 2014-12-10, às 09.52.41

Captura de ecrã 2014-12-10, às 09.52.58

Captura de ecrã 2014-12-10, às 09.53.09

E a cor pantone para o ano que se avizinha é Marsala. É uma cor versátil, que tanto fica bem em homens como em mulheres e que sobressai em todos os tons de pele. Esta cor de romã vai tornar-se tendência em roupa, acessórios, maquilhagem e até decoração em 2015.

Na minha opinião, acertaram em cheio na escolha! Como fã de burgundy que sou, esta cor não lhe fica atrás. É sofisticada, elegante e combina-se facilmente. Agora, resta-nos esperar que as novas coleções cheguem às lojas!

A vida antes do secundário

 

Tenho saudades da minha vida antes do secundário. Saudades de me rir espontâneamente com o meu grupo de amigos todos os dias. De os ter comigo e de estarmos todos juntos todos os dias. A verdade é que, mesmo tendo dito que a adaptação a estar longe das pessoas que conhecia, na altura, há nove anos ou mais foi fácil, quando se conhece as duas realidades, escolhia o antes. Saudades de ter a minha irmã em casa e poder partilhar momentos que antes eram diários e que agora se tornaram menos frequentes. Saudades de poder ver as minhas séries favoritas. De acordar tarde ou simplesmente de acordar sem sentir que apenas fechei os olhos. Amanhã voltamos à rotina. 

Joyful by Escada

“I am delighted to be associated with ESCADA Joyful. I love what the fragrance stands for – it’s about seizing the small opportunities, and finding pleasure and joy in the moments that make up your day. For me, the scent conjures beautiful memories of hand-picking a fresh bouquet of flowers. It is enriched with undertones of earthy sandalwood and delicate pink peony which I absolutely adore, as peony’s are one of my favourite flowers.” – Miranda Kerr

Nada melhor que entrar no novo ano com uma nova fragância! Desde sempre que sou fã dos perfumes da Escada e este novo perfume, lançado em Agosto de 2014 no qual a Miranda Kerr (uma das minhas modelos favoritas) foi imagem de marca da campanha, deixou-me logo curiosa para experimentar. E confesso não ter desiludido! É literalmente a felicidade num frasco.

É uma fragância feminina, cremosa e delicada e que se adapta a todas as estações do ano. Aroma floral destinado a mulheres que abordam a vida de forma positiva, espontânea e com confiança, que aproveitam todas as oportunidades da vida e personificam a alegria de viver. 

Inspirado na alegria que se sente quando se recebe um lindo ramo de flores, este aroma delicado e leve possui a qualidade cintilante do orvalho da manhã. O componente principal é a peónia rosa fresca, rodeada por elementos florais brancos de magnólia com toques de um gelado de groselha negra e o calor do mel.

Sorria para o mundo e o mundo retribuirá o sorriso. A mulher ESCADA Joyful é cativada pela beleza do mundo que a rodeia, ajudando-a, por sua vez, a usufruir de #JoyfulMoments e boa sorte. 

Confesso que não é só o cheiro que me capta a atenção, mas também o frasco do perfume que adoro! É muito feminino e dá gosto ter em cima da prateleira. Quanto ao pack (perfume 50 ml + creme) sai bastante mais em conta, visto que é o mesmo preço que comprar só o perfume. Para além disso, esta caixa amorosa em que está o perfume serve depois para usarmos como necessaire. 

Tempo de preparar o 2º Período

Sem Título.png 

Para além dos Maias (1ª leitura do ano!), tenho de escolher um livro para a apresentação oral de Português. Infelizmente, estou limitada por uma lista imposta pela professora. No primeiro período li a Bibliotecária de Auschwitz e gostei bastante. Já selecionei o livro para o 3º Período (e estou a rezar para que ninguém o escolha este período), mas estou indecisa entre estes dois clássicos da literatura para o 2º período. Será que alguém me podia dar uma ajudinha?

 

Do Ano Novo

#123564

1) Ainda hei-de entender quem inventou a tradição de comer as 12 passadas a acompanhar as 12 badaladas. É que passas é só a pior coisa de sempre. Não podia ser antes chocolates da Kinder?

2) Quem é que este ano não tinha cuequinhas azuis para estrear na passagem de ano? Eu! Não que seja muito supersticiosa, mas desde que me lembro que na passagem de ano tinha sempre umas. Este ano falhei. Só espero que isto não me trame o resto do ano.

3) Ah..e já agora..Já vos disse que não gosto nada da passagem de ano? Gosto do significado, mas detesto que seja no Inverno e a mim só me dá vontade de passar o último dia do ano a rebolar na cama. 

4) Contudo este ano nem me posso queixar. Foi provavelmente a melhor passagem de ano que já tive. 

Pág. 2/2

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D